Domingo, 21 de julho de 2024
Buscar
Fechar [x]
SEGURANÇA
22/05/2024 06h45

Mulher é presa em flagrante por matar a própria mãe a facadas em SC

Conforme a Polícia Civil, o crime foi registrado por uma câmera instalada na residência

Foto: Polícia Civil

Uma mulher de 36 anos foi presa em flagrante na tarde desta terça-feira (21) em Ascurra, no Vale do Itajaí, suspeita de assassinar a própria mãe com uma facada no pescoço. O crime foi registrado por uma câmera instalada na residência, conforme informações da Polícia Civil.

Segundo o delegado Antônio Godoi, a vítima, de 61 anos, estava utilizando o celular quando foi atacada pela filha de forma sorrateira. “Sem qualquer tipo de aviso, pegou uma faca e, simplesmente, ao passar por sua mãe, a cravou”, detalhou o investigador. Apesar dos esforços dos bombeiros, a idosa não resistiu aos ferimentos e faleceu no local.

Godoi revelou que a relação entre mãe e filha era conturbada, marcada por problemas de relacionamento e frequentes ameaças de morte por parte da suspeita. A filha, mãe de quatro filhos, havia perdido a guarda de uma criança de 3 anos no dia anterior ao crime e já não estava com a guarda dos outros três filhos. Com um histórico de envolvimento com drogas e dependência química, a mulher havia passado por diversas internações e tratamentos.

"Sempre que perdia a guarda de uma das crianças, colocava a culpa na mãe. [A mulher suspeita] é uma pessoa que já esteve envolvida com drogas, é dependente química, já passou por diversas internações e tratamentos, e mãe resolveu acolhê-la depois da pandemia para evitar que ela caísse no 'mundão'", informou.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Conforme o delegado, a filha frequentemente ameaçava de morte a mãe, razão pela qual a família instalou uma câmera na casa.

"A mãe nunca quis dar andamento aos boletins de ocorrência, e nunca quis pedir medida protetiva de urgência ou afastamento do lar, porque temia que, se ela fizesse isso, sua filha cairia novamente no mundo e se envolveria com as drogas. Então, ela relutava em tomar uma atitude mais enérgica para afastar sua filha", informou.

A suspeita foi encaminhada ao presídio regional de Blumenau e será investigada por feminicídio. Ela passará por uma audiência de custódia, onde as medidas legais cabíveis serão determinadas.



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J 


Fonte: Redação
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.