Terça, 23 de julho de 2024
Buscar
Fechar [x]
SEGURANÇA
19/06/2024 10h07

Fundraising: confira quais são os políticos-alvos da operação realizada pelo GAECO

A operação do GAECO foi articulada na manhã de hoje (19)

Foto: PMSC

Em operação realizada na manhã de hoje (19), o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) e o Grupo Especial Anticorrupção (GEAC) deflagraram a segunda fase da operação Fundraising em Santa Catarina.

A ação visa desmantelar uma organização criminosa suspeita de desviar recursos públicos e fraudar procedimentos licitatórios em diversos municípios catarinenses.

A operação resultou na execução de 11 mandados de prisão preventiva, cinco de suspensão do exercício de funções públicas e 63 de busca e apreensão, emitidos pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC).

Entre os presos estão políticos de destaque como

Clori Peroza (PT), Prefeita de Ipuaçu

Fernando de Faveri Marcelino (MDB), Prefeito de Cocal do Sul

Marcelo Baldissera (PL), Prefeito de Ipira

Mario Afonso Woitexem (PSDB), Prefeito de Pinhalzinho.

Ao todo, 22 prefeituras foram alvos de mandados de busca e apreensão pelos crimes de organização criminosa, desvio de recursos públicos, corrupção, peculato e fraudes em licitações. Entre os alvos, estavam:

Emerson Ari Reichert (PT), empresário e ex-Prefeito de Ipira;

Edson Bez de Oliveira (MDB), empresário e ex-Deputado Federal;

Mauro Francisco Risso (MDB), Prefeito Municipal de Jardinópolis.

 


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo a investigação, o grupo direcionava processos licitatórios em vários municípios de Santa Catarina, sob o pretexto de prestar serviços de consultoria e assessoramento para a captação de recursos públicos. Esses contratos públicos eram firmados sem a devida comprovação de atividades, servindo apenas para que servidores públicos, agentes políticos e particulares recebessem vantagens indevidas.

Contexto da Operação "Fundraising"

O nome "Fundraising" se refere a uma metodologia em inglês que visa desenvolver processos para facilitar a captação de recursos.

Primeira Fase da Operação

Na primeira fase, deflagrada em setembro de 2023, 16 mandados de busca e apreensão foram cumpridos pelo GAECO em Florianópolis, Itajaí, Blumenau, Gravatal e Brasília.

Sobre o GAECO e GEAC

O GAECO é uma força-tarefa composta pelo Ministério Público, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Penal, Receita Estadual e Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, focada na identificação, prevenção e repressão de organizações criminosas.

O GEAC é um grupo do Ministério Público de Santa Catarina que atua em investigações e ações judiciais de combate à corrupção, especialmente em casos de maior gravidade ou complexidade.



 



 



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J 


Fonte: Redação
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.