Quarta, 24 de julho de 2024
Buscar
Fechar [x]
GERAL
16/05/2024 16h21

Santa Catarina registra os melhores números do ano na exportação de carnes

Exportações do estado crescem em abril, impulsionadas por frangos e suínos

Santa Catarina registrou em abril deste ano os melhores resultados de 2024 na exportação de carnes, com destaque para frangos e suínos. O estado exportou 173,2 mil toneladas de diversas carnes, representando altas de 11,7% em relação ao mês anterior e de 14,5% comparado ao mesmo período de 2023.



As receitas também apresentaram crescimento, totalizando US$ 358,3 milhões, o que representa um aumento de 15,5% em relação a março e de 6% se comparado a abril do ano anterior. No acumulado do primeiro quadrimestre, foram exportadas 631,7 mil toneladas de carnes, marcando um crescimento de 5,3% em relação ao mesmo período de 2023.



O governador Jorginho Mello ressaltou os esforços do estado em garantir uma cadeia produtiva eficiente e de qualidade para atender à crescente demanda internacional.



Na exportação de carne suína, Santa Catarina se destacou como responsável por mais da metade das quantidades e receitas das exportações brasileiras nos primeiros quatro meses do ano. Foram exportadas 60,5 mil toneladas em abril, representando um aumento de 14% em relação ao mês anterior e de 7,1% em comparação com abril de 2023. As receitas atingiram US$ 138,7 milhões, um aumento de 18,1% em relação ao mês anterior.



Já na exportação de carne de frango, o estado respondeu por 24,3% das receitas geradas pelas exportações brasileiras no mesmo período. Em abril, foram exportadas 104 mil toneladas, um aumento de 10% em relação ao mês anterior e de 19,7% em comparação com abril de 2023. As receitas alcançaram US$ 200,7 milhões, crescendo 11,9% em relação a março e 9,2% em relação a abril de 2023.



O analista de Socioeconomia e Desenvolvimento Rural da Epagri/Cepa, Alexandre Luís Giehl, atribui o aumento nas exportações ao crescimento nas quantidades embarcadas para os principais destinos, como Japão, Países Baixos e Emirados Árabes Unidos. No entanto, destaca-se a queda nas aquisições da China, que foi o principal destino do frango catarinense no ano anterior, registrando uma redução expressiva nas aquisições neste ano.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J 


Fonte: Redação
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.