Segunda, 24 de junho de 2024
Buscar
Fechar [x]
SAÚDE
26/02/2024 19h02

SC registra mais um óbito por dengue e mais de 2 mil casos em menos de uma semana

A vítima foi um homem de 80 anos

A dengue continua fazendo vítimas em Joinville, no norte de Santa Catarina. Nesta segunda-feira (26), a Prefeitura do município confirmou a sétima morte causada pela doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. A vítima foi um homem de 80 anos, morador do bairro Anita Garibaldi, que faleceu no dia 22 de fevereiro em um hospital da rede pública. Ele tinha outras doenças associadas, o que pode ter agravado o seu quadro clínico.

De acordo com o painel da dengue, disponível no site da Prefeitura de Joinville, o município já soma 2.292 casos confirmados da doença neste ano, sendo 1.858 autóctones (contraídos na própria cidade) e 434 importados (de outras localidades). Outros 8.808 casos foram descartados após exames laboratoriais.

Para tentar conter o avanço da dengue, Joinville iniciou no sábado (24) a vacinação de crianças de 10 e 11 anos contra a doença. A cidade faz parte de um projeto-piloto do Ministério da Saúde, que enviou 29.100 doses da vacina para 13 municípios da região norte de Santa Catarina, considerada área de risco para a dengue. A Secretaria de Estado da Saúde (SES), através da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), distribuiu as vacinas na quinta-feira (22).


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Joinville recebeu 15.701 doses, que serão aplicadas em duas etapas, com intervalo de três meses entre a primeira e a segunda dose. A vacina está disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) das regiões da cidade, com exceção das UBSF Jativoca, Comasa e João Costa, que atuam como unidades sentinelas para atendimento da dengue. Os horários de funcionamento das UBS estão disponíveis no site da Prefeitura de Joinville.

Para receber a vacina, é preciso apresentar documento, Carteira de Vacinação e Cartão Nacional de Saúde do pré-adolescente, além de documento do responsável. É recomendado chegar na UBS pelo menos 30 minutos antes do horário de fechamento. Não podem receber a vacina crianças que tiveram dengue há menos de seis meses ou que estejam com suspeita de dengue, febre ou sintomas gripais.

A vacina contra a dengue é produzida pelo laboratório Sanofi Pasteur e tem eficácia de 66% contra os quatro tipos do vírus. Ela também reduz em 93% o risco de casos graves da doença, que podem levar à morte. A vacina é segura e já foi aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e pela Organização Mundial da Saúde (OMS).



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do Whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J


Fonte: Redação/SCC10.
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.