Terça, 21 de maio de 2024
Buscar
Fechar [x]
SAÚDE
20/02/2024 15h47

Internações por dengue passam de 200 casos em SC

Número preocupa autoridades

Santa Catarina, assim como o restante do país, enfrenta um aumento preocupante nos casos de dengue em 2024. Como reflexo, neste ano, já ocorreram mais de 200 internações hospitalares na rede pública de saúde. Os dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES) demonstram que dos 13.261 casos notificados da doença, até o momento, 213 pacientes necessitaram de internação hospitalar no Sistema Único de Saúde (SUS).

Nesta segunda-feira, 19 de fevereiro, constam 79 pacientes internados em 20 hospitais do estado. As unidades mais afetadas são o Hospital Regional Hans Dieter Schmidt, em Joinville, com 24 pacientes, e o Hospital Pequeno Anjo, em Itajaí, com 12 pacientes. As unidades de saúde estão localizadas nas regiões com maior incidência de casos.

Segundo o informe da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), os 10 municípios com maior taxa de incidência são: Araquari (1431,97); Joinville (733,52); Apiúna (578,57); Itajaí (575,27); Itapiranga (533,24); Tijucas (523,51); Blumenau (383,94); São Francisco do Sul (339,51); Penha (305,39) e Florianópolis (296,93).

Diversas ações têm sido realizadas pelo Governo do Estado para frear o avanço da doença e minimizar os seus reflexos. Até o momento, já foram direcionados aos municípios R$ 15 milhões para implementação de estratégias de combate à dengue, e outros R$ 5 milhões estão sendo repassados.

No período de 31 de dezembro de 2023 a 14 de fevereiro de 2024, foram identificados 11.471 focos do mosquito Aedes aegypti em 207 municípios. Dos 295 catarinenses, 155 são considerados infestados.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fique atento aos sintomas



Febre, dor de cabeça, dores musculares e nas articulações, dor atrás dos olhos e manchas vermelhas na pele. Estes são os principais sintomas da dengue. Além disso, dor abdominal intensa e contínua, vômitos persistentes, queda de pressão e sangramento de mucosas já são sinais de alarme, indicando a necessidade de procurar imediatamente o serviço de saúde.



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do Whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J


Fonte: Redação/SECOMSC. Foto: Cristiano Andujar
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.