Domingo, 21 de julho de 2024
Buscar
Fechar [x]
SEGURANÇA
10/04/2024 17h59

Operação investiga família de empresários pelo prejuízo de R$ 5 milhões na venda de 40 mil notebooks à Educação de SC

O grupo é suspeito de ter se associado para burlar a licitação e impedir qualquer concorrência. Ação apreendeu carros de luxo ao cumprir mandados de busca e apreensão em Joinville, Barra Velha e Itapoá

Operação investiga família de empresários suspeita de irregularidades na compra de 40 mil notebooks para a educação estadual de Santa Catarina. A Polícia Civil apura um prejuízo de R$ 5 milhões aos cofres públicos. O grupo, formado por membros da mesma família, é suspeito de ter se associado para burlar a licitação e impedir qualquer concorrência através de uma estratégia organizada pelo patriarca, empresário do ramo de tecnologia.

Foram bloqueados os bens dos envolvidos no valor do prejuízo estimado, e determinado o impedimento de novos contratos com o Poder Público. Além disso, três veículos de luxo, documentos e equipamentos eletrônicos foram apreendidos.

A empresa vencedora do pregão pertencia ao grupo suspeito e foi criada em nome de um jovem de 18 anos, com capital de R$ 15 mil e sem funcionários registrados, quando já havia sido iniciada a fase interna da licitação no governo estadual.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mesmo assim, a compra foi feita pela Secretaria de Estado da Educação em 2021. 

O esquema envolveu a criação de pequenas empresas, usando recursos e conhecimentos técnicos de outra grande companhia, impossibilitando que empresas menores tivessem qualquer condição de concorrer ao processo.

O nome da empresa não foi divulgado. 

O que diz a Secretaria de Estado da Educação

Confira abaixo a íntegra da nota da secretaria.

A nova gestão da Secretaria de Estado da Educação está à disposição da Polícia Civil para fornecer qualquer informação e documentação necessárias para as investigações, reforçando seu compromisso com a transparência e o respeito ao investimento dos recursos públicos.

É importante destacar que a investigação citada apura uma ocorrência do ano de 2021, portanto, um pregão eletrônico realizado na antiga gestão da secretaria e durante o governo passado.


 



 



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do Whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J


Fonte: Redação com informações de G1.
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.