Sexta-feira, 12 de agosto de 2022
Buscar
Fechar [x]
POLÍTICA
03/07/2022 11h22

Faltam candidatos a vice em Santa Catarina

A pouco mais de um mês para finalizar o prazo de inscrição das chapas, o Estado tem nove candidatos ao governo e apenas um para vice

A definição de quem serão os candidatos ao governo de Santa Catarina segue com muitas indecisões. O mês de julho marca o início das convenções partidárias, que começam no próximo dia 20 e devem aparar as arestas, e oficializar os nomes que vão representar os partidos nas eleições de outubro desse ano. 

Na última semana, nomes que pareciam certos para a disputa do pleito eleitoral, pelo jeito, devem ficar de fora, ou então concorrer a outros cargos. O empresário Antídio Lunelli (MDB) recuou de aceitar ser vice de Carlos Moisés (Republicanos).

Caso aceitasse, poderia colocar uma pedra no assunto e posicionar o MDB de vez no projeto de reeleição do atual governador. A decisão teve uma reviravolta depois de um encontro entre o ex-prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli e o governador.

Outros cinco nomes já têm a pré-candidatura pacificada pelos partidos. É o caso do governador Carlos Moisés, do ex-prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (União Brasil), e do senador Jorginho Mello (PL), que até já percorrem o Estado em atos partidários. Além deles, o promotor de Justiça Odair Tramontin (Novo) e o defensor público Ralf Zimmer Júnior (Pros). 

Se por um lado, alguns partidos já definiram os nomes, outras três pré-candidaturas também entram em julho na reta final se irão se manter na corrida pela Casa d’Agronômica. Nessa lista está a pré-candidatura do senador Esperidião Amin (Progressistas). 

Com um mandato de mais quatro anos e meio pela frente como senador, o ex-governador tem reafirmado a disposição de concorrer mais uma vez ao governo. Apesar dos planos do PP, uma aliança com o também senador Jorginho Mello (PL), não está descartada. 

Na chamada frente de esquerda de Santa Catarina, a situação ainda é incerta, e conta com duas pré-candidaturas: Décio Lima (PT) e Dário Berger (PSB). Vivendo um momento ainda confuso, especialistas dizem que nesse momento a balança pesa mais para o lado de Décio, mas os partidos devem definir o nome ainda essa semana. 

Já para o cargo de vice-governador, até o momento, apenas está confirmado o nome de Eron Giordani (PSD). Mesmo permanecendo durante um bom tempo no comando da Casa civil do governo de Carlos Moises, Eron será vice na chapa encabeçada por Gean Loureiro. 

 


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Pré-candidatos ao governo:

-Antídio Lunelli (MDB)-

-Carlos Moisés (Republicanos)

-Décio Lima (PT)

-Dário Berger (PSB)

-Esperidião Amin (Progressistas)

-Gean Loureiro (União Brasil)

-Jorginho Mello (PL)

-Odair Tramontin (Novo)

-Ralf Zimmer (Pros)

Pré-candidato a vice:

- Eron Giordani

Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do WhatsApp. https://chat.whatsapp.com/JBufyOx032T3Jer1iObXse



 


Fonte: Redação
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.