Quinta, 23 de maio de 2024
Buscar
Fechar [x]
GERAL
13/02/2024 14h57

Praias de SC registram 386 lesões por água-viva por dia no verão

Entre 16 de dezembro e 28 de janeiro, foram 16.634 ferimentos, conforme bombeiros. Veja o que fazer se for ferido.

Santa Catarina registrou 16.634 lesões por água-viva neste verão, entre 16 de dezembro e 28 de janeiro, segundo o Corpo de Bombeiros Militar. Em 43 dias, a média é de 386 ferimentos diários.

Os postos de guarda-vidas indicam a presença das águas-vivas através de uma bandeira lilás.

O professor Alberto Lindner, responsável pelo laboratório de Biodiversidade Marinha da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), explicou que é normal o aumento de ocorrências com água-viva no verão. Isso ocorre porque a temperatura da água do mar está relacionada com o ciclo de vida de algumas espécies.

Neste ano, o pesquisador já vinha observando a presença de mais águas-vivas nas praias de Florianópolis. Segundo ele, o número de acidentes com o animal neste ano pode estar relacionado com um aumento da temperatura da água do mar.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"No verão, a gente tende a encontrar águas-vivas em maior abundância, que é quando também a gente tem mais banhistas no litoral e acaba tendo essa interação. O acidente é o toque na água-viva", disse o professor.

Queimaduras

Lindner explicou sobre o ferimento causado pelo animal. "Dá uma sensação de queimadura, mas tecnicamente é um envenenamento. O que elas têm é veneno mesmo".

"É dentro de microcápsulas, menores de um milímetro, bem pequenininhas mesmo, microscópicas, que vão injetar essa toxina na nossa pele. Elas [águas-vivas] têm milhares dessas microcápsulas justamente nos tentáculos", explicou.

O professor destacou que esses animais não atacam. "Elas não vêm na nossa direção, elas nem sabem que a gente está ali em volta delas. Somos nós mesmos que acidentalmente tocamos esses esses animais".

O que fazer se for ferido

O Corpo de Bombeiros Militar divulgou orientações sobre o que fazer se você for ferido por uma água-viva:

Procure o posto de guarda-vidas mais próximo

Caso não haja posto de guarda-vidas, use vinagre

Nunca use água doce, ela pode agravar a situação

Caso não haja vinagre disponível e a queimadura continuar, chame o Corpo de Bombeiros através do telefone 193



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do Whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J


Fonte: G1/SC
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.