Sábado, 15 de junho de 2024
Buscar
Fechar [x]
GERAL
11/06/2024 08h39

Polícia Civil de SC encaminha cerca de 10 mil produtos apreendidos em operações para o Rio Grande do Sul

São peças de roupas e calçados apreendidas durante operações

Foto: PCSC

A Polícia Civil de Santa Catarina vai entregar nos próximos dias cerca de 10 mil peças entre roupas e calçados para as vítimas das enchentes que impactaram fortemente o Rio Grande do Sul, no mês de maio. Oriundas de apreensões feitas em operações das unidades policiais da DEIC e por iniciativa da Delegacia de Investigação aos Crimes contra a Fazenda Pública (DFAZ) e da Delegacia de Investigação de Crimes Ambientais e Crimes contra as Relações de Consumo (DCAC), o material que por decisão judicial iria para descarte seguirá para Rio Grande do Sul em forma de doação.

Sensibilizada com a tragédia que afetou 452 municípios – cerca de 90% da área do estado gaúcho – a delegada Débora Mariani Jardim, titular da DFAZ, solicitou autorização ao Poder Judiciário para enviar os produtos apreendidos para o Rio Grande do Sul. Liberada para encaminhar o material, a primeira ação foi selecionar as peças. “Uma das nossas preocupações foi separar produtos adequados ao clima e necessários para o dia a dia das pessoas como calçados e roupas. O que estava com algum problema ou não era adequado à estação, foi descartado,” disse a delegada Débora.

Uma força-tarefa formada por policiais civis da DEIC começou a seleção, a separação e embalagem das peças. “Cerca de 30 policiais civis e voluntários trabalharam incessantemente por três semanas, selecionado as peças e embalando de acordo com tamanho, sexo e numeração. Como resultado, temos aproximadamente 500 embalagens que serão encaminhadas aos centros de atendimento aos desabrigados. Estamos finalizando a logística para enviar mais essa doação”, observou.



 


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A delegada Débora destacou ainda o apoio da Delegacia-Geral (DGPC) da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) Secretaria de Estado da Fazenda (SEFAZ) , e do Conselho Estadual de Combate à Pirataria (CECOP), órgão da Secretaria de Estado da Indústria e Comércio  (SICOS), do Ministério Público (MPSC) e do Poder Judiciário.



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do Whatsapp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J 


Fonte: Redação
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.