Terça, 21 de maio de 2024
Buscar
Fechar [x]
GERAL
06/02/2024 19h20

Carnaval 2024: Saúde alerta para prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis

Todas as medidas de prevenção são disponibilizadas gratuitamente

Nos próximos dias começa o Carnaval, um momento de muita alegria, confraternização, descontração, mas para que essa festa aconteça com muita tranquilidade, a Secretaria de Estado de Saúde de Santa Catarina (SES), através da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), ressalta que é extremamente importante que a população se mantenha em alerta, especialmente em relação às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), como o HIV, sífilis, HPV, hepatite A, entre outras.

O uso da camisinha masculina ou feminina em todas as relações sexuais ainda é a medida mais acessível, segura e eficaz para evitar as ISTs e, até mesmo, uma gravidez não planejada. No entanto, com relação ao HIV, existem métodos adicionais, além do uso dos preservativos, para evitar a infecção, como a Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) e a Profilaxia Pós-Exposição (PEP), que podem ser usadas de forma combinada à camisinha.

A PrEP é um método de prevenção ao HIV que consiste na ingestão de medicamentos que protegem o corpo da infecção em caso de possível contato com o vírus. O método pode ser utilizado por pessoas a partir dos 15 anos. Existem dois tipos de PrEP, a diária e a sob demanda.

A médica infectologista da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), Aline Vitali Grando, explica que a primeira consiste na ingestão diária de medicamentos, de forma contínua. “Leva-se até sete dias para atingir níveis de proteção ideais”, explica. Já a PrEP sob demanda pode ser usada até horas antes de cair na folia, por grupos específicos. “Ela é indicada para pessoas que tenham exposições menos frequentes ao HIV. Então, nessa forma de prevenção é necessário que a pessoa consiga planejar quando a relação sexual irá ocorrer para permitir o uso da dose inicial recomendada entre 2 a 24 horas antes da relação, sendo que o tratamento deve ser mantido por pelo menos 48h”, destaca a médica.

Com relação à PEP, ela é uma medida de prevenção de urgência que deve ser utilizada após uma possível exposição ao HIV para reduzir o risco de infecção, esclarece a médica. Ela também consiste no uso de medicamentos, mas deve ser iniciada preferencialmente nas primeiras duas horas após a exposição, não podendo ultrapassar 72 horas e precisa ser continuada por 28 dias.

 


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Outra medida de prevenção que pode ser adotada antes da festa é a realização de testes rápidos para o diagnóstico de ISTs. Os testes são realizados nas unidades básicas de saúde de forma segura e sigilosa e ficam prontos em até 30 minutos. Nas unidades de saúde também é possível ter acesso a PrEP, PEP e fazer a retirada de preservativos e lubrificantes. Só no mês de janeiro de 2024 a DIVE distribuiu mais de 1 milhão de camisinhas para os municípios catarinenses já prevendo o Carnaval.



 



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J


Fonte: Governo de Santa Catarina
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.