Segunda, 27 de maio de 2024
Buscar
Fechar [x]
ESPORTES
18/01/2024 14h12

Atleta de Pedras Grandes busca objetivo: se tornar top 5 no ranking nacional de corrida de montanha

Para alcançar seus objetivos, a atleta mantém uma rotina de treinos chegando a correr mais de 120 quilômetros por semana

A atleta pedras-grandense possui uma série de participações em provas importantes como: Mons Ultra Trail - Nova Trento, Campeã dos 85 km, X-Treme Trail Run - Gramado, Vice-Campeã dos 25 km, Vice-Campeã dos 50 km  do Audax Ninhos das Águias - Nova Petrópolis, Tri Campeã dos 80 km solo da Rota da Baleia International Trail Run - Garopaba, Campeã do Indomit Trail Marathon - Bombinhas, Campeã do 25° Revezamento Volta a Ilha - Florianópolis, Campeã da Rio do Rastro Marathon, entre outras provas.

Juliana conta que tem como objetivo figurar no Top 5 do brasileiro pelo ITRA. “Também quero participar e pontuar nas principais provas de Trail Running nacional e buscar uma convocação para as Seleções Brasileiras de Trail Running e ou Sky Running”, revela a atleta.

“O trail running e o sky running são duas modalidades de corrida que ocorrem em ambientes naturais, mas têm algumas diferenças distintas: terreno e elevação. 

O trail running é uma corrida que acontece em trilhas, caminhos e terrenos variados, muitas vezes em ambientes montanhosos, mas nem sempre envolvendo altitudes extremas. O foco principal é percorrer trilhas naturais, mas não necessariamente envolve grandes elevações.

O sky running, por outro lado, é uma modalidade de corrida de montanha que se concentra em altitudes elevadas. Essas corridas normalmente ocorrem em terrenos montanhosos, muitas vezes acima de 2.000 metros de altitude, onde os corredores enfrentam terrenos extremamente técnicos e íngremes.

Embora o trail running possa envolver trilhas em montanhas e colinas, ele não necessariamente exige que os corredores alcancem altitudes muito elevadas. Além disso, as trilhas podem variar em dificuldade técnica, desde trilhas amplas e acessíveis até trilhas estreitas e técnicas. O sky running é caracterizado por altitudes mais elevadas e terrenos mais técnicos,” explica a atleta.

Para alcançar seus objetivos, a atleta mantém uma rotina de treinos chegando a correr mais de 120 quilômetros por semana, intercalando treinos específicos de força, mobilidade e velocidade em terrenos acidentados, trilhas técnicas e subidas íngremes, também realiza sessões de reforço muscular.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Seu treinador é Felipe Costa da Silva, que representou a Seleção Brasileira em 6 Campeonatos Mundiais, é recordista brasileiro e Campeão Sul Americano nos 100 km, 13° colocado Mundial 100 km – Berlin/2022 e 3° colocado Campeonato Sul Americano de Sky Running 2023.

 



 



Receba as principais informações do portal em nosso grupo de leitores do WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/GFBj961lXAC5HR6GTjhg4J


Fonte: Redação
Hora Hiper

Tubarão / SC
Avenida Marcolino Martins Cabral, 1788, Edifício Minas Center, Sala 507, 88705-000, Vila Moema
(48) 3626-8001 (48) 98818-2057
Braço do Norte / SC
Rua Raulino Horn, 305, 88750-000, Centro
(48) 3626-8000 (48) 98818-1037
Hora Hiper © 2020. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.